Após futebol, homem sobrevive a 27 infartos em 24h

Walking Football/Facebook e Worcestershire Royal Hospital/Divulgação

Após uma série de seis partidas de futebol de caminhada, com duração de 10 minutos cada, o inglês Ray Woodhall, de 54 anos, sofreu um infarto e teve que ser socorrido à unidade de saúde mais próxima, onde foi reanimado por impressionantes 27 vezes, a cada parada cardíaca sofrida. Foi necessária a atuação de seis equipes de especialistas do Hospital Worcestershire Royal, na Inglaterra, para lidar com o caso descrito como de “múltiplos ataques cardíacos”.

O distribuidor de bebidas participou da modalidade “walking football”, versão menos impactante do esporte voltada a pessoas com mais de 50 anos e com problemas de mobilidade, em que os jogadores apenas andam em campo.

Pai de três filhos, Woodhall passou por paradas cardíacas ao longo de 24 horas e lembra do diálogo que teve com uma enfermeira envolvida na primeira e na última intercorrência: “Ela me pediu desculpas quando eu acordei e perguntei o porquê. Ela disse que estava batendo muito forte no meu peito e respondi que não se desculpasse por salvar minha vida. De novo”, declarou ao jornal britânico The Sun. No mesmo dia, ele foi submetido a uma série de cirurgias para a colocação de stents – próteses para manutenção da abertura das artérias do coração.

O fato de não apenas Ray ter sobrevivido como não ter registro de sequelas neurológicas ou danos cerebrais impressinou os médicos. Espera-se que ele tenha uma recuperação completa em um prazo de seis meses. Entre os desejos que ele afirma ter, está o seguinte: “só quero poder voltar a jogar com meus amigos”.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)