Ginasta fratura pescoço ao cair de cabeça durante acrobacia

Sam Panda / Divulgação

A acrobata norte-americana Sam Panda ficou gravemente ferida após o aparelho onde treinava um número se quebrar, fazendo com que ela caísse de uma altura de pouco mais de quatro metros diretamente com o pescoço no chão. A companhia onde ela trabalha filmava o treino dos funcionários na ilha de Bali quando registrou a hora exata da queda. É possível ver a mulher se alongando dentro de um círculo gigante que em poucos segundos vai ao chão. Ela bate a cabeça e desmaia. Logo, uma série de pessoas tenta ajudá-la.

“Eu quebrei minha vértebra C5, o que significa que quebrei meu pescoço, e danifiquei dois discos invertebrais, fazendo com que eles pressionassem minha medula espinhal”, afirmou a mulher em entrevista ao jornal britânico Daily Mail. Panda também precisou levar oito pontos na cabeça e apesar de conseguir mexer os braços e pernas não pode andar ainda. “Minha medula espinhal não consegue suportar meu peso e eu ainda estou muito fraca”, contou.

Os familiares de Sam tentam agora levantar dinheiro suficiente para que ela seja levada para fora da Indonésia e encontre ajuda especializada, algo que deve custar em torno de US$ 40 mil (equivalente a R$ 120 mil). Em pouco mais de 15 horas, mais da metade do valor foi levantado no financiamento coletivo. A delicada cirurgia deve ser realizada em algum hospital de Taiwan, país mais próximos com especialistas disponíveis.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)