Pais de menino que caiu em jaula de gorila abatido devem responder processo

YouTube/Reprodução

Depois de uma criança ser salva pelos bombeiros e policiais após cair na jaula de um gorila, no Estados Unidos, os pais do menino podem responder pelo acidente judicialmente. O caso aconteceu no zoológico de Cincinnati e o gorila de 17 anos foi executado para que a criança pudesse ser salva. As autoridades informaram que o dardo tranquilizante não agiria tão rápido e que o animal poderia reagir e atacar o menino. Após o fato, muitas pessoas questionaram a responsabilidade dos pais e defenderam a vida do animal. Segundo o The Independent, a polícia afirmou que um inquérito pode ser aberto contra os pais da criança.

Por causa da repercussão, a mãe da criança resolveu fazer um post no Facebook para responder as críticas e agradecer o apoio. Segundo a publicação, a mãe afirmou: “Acidentes acontecem. Deus protegeu o meu filho até que as autoridades foram capazes de chegar até ele”, comentou.

Além disso, comunidades nas redes sociais foram criadas e se posicionaram a favor e contra a mãe da criança. A primeira apoia e pede suporte para mãe do menino e a segunda pede a abertura de uma investigação contra a mãe. Inclusive, convida os internautas a assinarem uma petição para pressionar a abertura do inquérito

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)