Astrônomos encontram a menor estrela já registrada no universo

Nasa/Divulgação

Astrônomos encontraram a menor estrela da história e pode ser uma dica na busca por outros planetas parecidos com a Terra. O sol minúsculo é um pouco menor que Saturno e a menor estrela que se tem registro. Se fosse menor, haveria tão pouca pressão no centro dela, que ela não seria capaz de suportar o processo de fusão. “Nossa descoberta demonstra quão pequena uma estrela pode ser. Se essa estrela fosse formada com um pouco menos de massa, a reação da fusão de hidrogênio não seria sustentado e a estrela se tornaria uma anã marrom”, explicou o autor líder do estudo, Alexander Boetticher, mestrando do Instituto de Astronomia e Laboratório de Cavendish, em Cambridge, de acordo com o portal britânico Independent.

A estrela encontrada foi nomeada EBLM J0555-57Ab e está a 600 anos-luz de distância e é parte de um sistema binário. “Encontramos essas estrelas usando equipamento para encontrar planetas, quando eles orbitam estrelas maiores em sistema binário. Pode parecer incrível, mas encontrar estrelas é mais difícil do que encontrar um planeta”, disse o co-autor do estudo, Professor Didier Queloz, do Laboratório de Cavendish.

Estrelas tão pequenas e frias dão as melhores chances de encontrar planetas como a Terra. Porém, antes de estudar planetas, é necessário entender as estrelas. Estrelas pequenas são as mais comuns do universo, mas é difícil vê-las por causa do tamanho e falta de brilho, limitando a visualização à distância.

Os cientistas esperam poder usar o projeto que encontrou essa estrela minúscula (WASP) para encontrar outras semelhantes. Quando isso ocorrer, eles vão poder entender as estrelas que sustentam vida. A última estrela encontrada foi a chamada TRAPPIST-1 (ilustrada acima), que é maior que a EBLM J0555-57Ab e tem planetas orbitando ao redor.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)