Projeto de lei prevê multa para cantadas

hemeratechnologies/Reprodução

A vereadora Maria Letícia (PV) de Curitiba propôs um projeto de lei em que pessoas flagradas passando cantadas ou qualquer outro gesto invasivo na rua podem pagar uma multa de R$280, além de frequentar um programa de reeducação. A multa pode chegar a R$930 em caso de reincidência, a Guarda Municpal será responsável pela fiscalização, seja em flagrante ou analisando imagens. Segundo o texto a ser votado, atos como perseguição, exibicionismo, masturbação e abordagens intimidadoras serão passíveis de punição.

Assédio em espaços públicos, como elevadores, ruas e praças serão penalizados. “O famoso ‘fiu fiu’ em locais públicos e outras cantadas não são elogios. Tratam-se de uma forma de assédio sexual que passa despercebida, uma vez que está travestida de ‘flerte’”, declarou a vereadora para o portal G1. O projeto tramita na câmara, mas ainda não há previsão para que o projeto seja votado.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)