Vídeo mostra menino-ímã pendurando objetos no corpo

Bolo Bolo/YouTube

Um menino bósnio tornou-se popular na internet após ser gravado em vídeo com diversos materiais presos ao corpo, como ímãs. Erman Delic, de cinco anos, aparece nas imagens com talheres e moedas que ficam penduradas no peito e nas costas, a partir do contato com a pele. O registro logo viralizou, com internautas comparando o garoto a Eric Lansher, o Magneto, vilão dos quadrinhos Marvel, X-Men.

Ao final do vídeo, Erman carregava três colheres, 13 moedas e um garfo no peito, mais duas colheres e três moedas nas costas. Durante a gravação, alguns objetos chegam a cair, porém a maioria manteve-se firme. De acordo com o Daily Mail, apesar dessa condição, os médicos que o analisaram afirmam que Erman é perfeitamente saudável. Além disso, alguns casos semelhantes já foram registrados antes, como o de um menino turco de 9 anos, Mehmet Sumbul, e um sérvio de sete anos chamado Bogdan.

Apesar da estranha habilidade, o investigador científico de fenômenos paranormais, Benjamin Radford, já desmistificou essa questão quando o caso de Bogdan obteve notoriedade. “A pele é muito elástica e tende a se adaptar aos objetos com os quais tem contato. Isso é especialmente notável em dias quentes, quando ela gruda em materiais de couro e assentos de plástico. Ela também pode ser um pouco aderente pelo mesmo motivo”, explica o artigo publicado na NBC News.

Radford apontou também que a maioria das pessoas que alegam ser magnéticas possuem poucos pelos no corpo – o que reduz a fricção entre a pele e o objeto – e que costumam se inclinar para trás nos vídeos e fotografias que os mostram carregando os objetos. “Se realmente houvesse alguma força magnética atraindo os objetos para o corpo, a pessoa deveria ser capaz de se curvar para a frente”, conclui.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)