Argentino passa por cirurgia para tirar palito de dente alojado no coração

Imagine o resultado de um exame de dores no peito identificar nada menos que um palito de dente alojado em seu coração!? Foi exatamente isso que aconteceu com o argentino Horacio Rodriguez, 42 anos. Com dores desde o início de 2015, Horácio foi diagnosticado inicialmente com uma infecção. Passou a usar antibióticos, mas nada melhorava. Começou a perder peso, tossir sangue e procurou a opinião de um segundo especialista. Os médicos suspeitaram que poderia ser AIDS, mas, após um exame de raio x, constataram algo “estranho” no coração do argentino. Os médicos estavam quase certos que se tratava de um cateter utilizado numa transfusão de sangue feita durante a adolescência de Horácio. As informações são do jornal inglês The Sun.

Mas não, era um palito de dente. Horácio acredita que ingeriu o palito em janeiro deste ano, em um dia em que comeu “um monte de aperitivos”. “Da próxima vez que eu comer salame ou queijo vou me certificar de que os palitos estejam sinalizados para que eu possa vê-los”, apontou Horacio. Os médicos ficaram extremamente surpresos pelo fato do palito continuar completamente intacto e não ter causado a morte do argentino. Horácio ficará dois meses de repouso e não deve ter sequelas.

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)