Nordestina de 92 anos vira YouTuber mais velha do país

Mãe Stella de Oxóssi / YouTube

Aos 92 anos, a soteropolitana Mãe Stella de Oxóssi, uma das mães de santo mais importantes do Brasil, se tornou a Youtuber mais velha do País. Com o canal que leva o próprio nome, ela divulgou uma série de vídeos de estreia. “Eu gosto de estar atualizada, meu objetivo com esse canal é que as pessoas tenham acesso a ele para plantar a semente e fixar mais tudo sobre a cultura iorubá”, afirma em uma das publicações. Em quatro dias, ela bateu a marca de 1,2 mil inscritos, acumulando comentários positivos sobre a personalidade e principalmente a disseminação da cultura em uma rede social tão popular.

Esse não é o primeiro registro do interesse da mãe de santo pela tecnologia. No começo de 2017 ela lançou um aplicativo para plataformas Android com orientações em forma de textos e vídeos para interessados na cultura. “Ela entendeu a importância de fazer perdurar a cultura oral e deixar um legado claro para as futuras gerações”, afirmou em entrevista ao portal Vice o fotógrafo Antonello Veneri, responsável pelo registro das imagens do vlog.

Mãe Stella é uma importante figura do candomblé. Já escreveu uma série de livros e ganhou títulos de fomentadora de cultura e de Doutora Honori, assim como uma cadeira na Academia de Letras da Bahia. Entre os vídeos estão uma introdução com a proposta do canal de comunicação, um ensinamento sobre mitos da cultura Iorubá e uma homenagem feita por um senegalês que hoje mora no terreiro Ilê Axé Opô Afonjá. Apesar de ser a youtuber mais longeva do Brasil, ela não detém o título mundial, este, vai para a indiana Mastanamma, que tem um programa de receitas na rede, com mais de 250 mil seguidores.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)