A música de despedida de um casal que emocionou o mundo

Despedida: Aos 92, ele fez a última serenata para a esposaA MÚSICA DE DESPEDIDA DE UM CASAL QUE EMOCIONOU O MUNDOO veterano de guerra Howard, 92, emocionou o mundo ao cantar "You'll Never Know", de Rosemary Clooney*, para a esposa à beira da morte, Laura, 73, numa cama de hospital. A canção era a mesma que ele cantava para ela entre suas incursões durante a Segunda Guerra Mundial. O momento, capturado em vídeo, teve milhões de visualizações. Confira tradução: "Você nunca saberá o quanto sinto sua falta,Você nunca saberá o quanto eu me importo,E se eu tentasse, não conseguiria esconder meu amor por você,Você tem que saber, já que eu não te contei.Um milhão ou mais vezes?Você se foi e meu coração foi junto,Eu digo seu nome em minhas oraçõesSe tivesse outra forma de te provar que te amo…Eu juro, não sei como.E você nunca vai saber se não souber agora,Você se foi e levou meu coração junto,Digo seu nome em cada oração que faço.Se há outra maneira de te provar, juro que não seiVocê nunca saberá se não souber agora…"*Natural de Maysville, em Kentucky (EUA), o sobrenome da cantora e atriz norte-americana não é por acaso: ela é tia do ator George Clooney e irmã do jornalista Nick Clooney. Faleceu em Beverly Hills, em junho de 2002.

Posted by CuriosaMente on Quinta, 24 de setembro de 2015

O veterano de guerra Howard, 92, emocionou o mundo ao cantar “You’ll Never Know”, de Rosemary Clooney*, para a esposa à beira da morte, Laura, 73, numa cama de hospital. A canção era a mesma que ele cantava para ela entre suas incursões durante a Segunda Guerra Mundial. O momento, capturado em vídeo, teve milhões de visualizações. Confira tradução:

“Você nunca saberá o quanto sinto sua falta,
Você nunca saberá o quanto eu me importo,
E se eu tentasse, não conseguiria esconder meu amor por você,
Você tem que saber, já que eu não te contei.

Um milhão ou mais vezes?
Você se foi e meu coração foi junto,
Eu digo seu nome em minhas orações
Se tivesse outra forma de te provar que te amo…Eu juro, não sei como.
E você nunca vai saber se não souber agora,
Você se foi e levou meu coração junto,
Digo seu nome em cada oração que faço.
Se há outra maneira de te provar, juro que não sei
Você nunca saberá se não souber agora…”
*Natural de Maysville, em Kentucky (EUA), o sobrenome da cantora e atriz norte-americana não é por acaso: ela é tia do ator George Clooney e irmã do jornalista Nick Clooney. Faleceu em Beverly Hills, em junho de 2002.

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)