Nasa filma queda e explosão de avião em teste

Nasa / Divulgação

Imagens gravadas pela Nasa em abril de 1984 mostram um Boeing 720 caindo e explodindo durante aterrissagem na Califórnia. O avião era utilizado pela organização para testar, ironicamente, uma mudança no combustível que evitaria incêndios. A demonstração de impacto controlado foi feita em parceria com a Administração de Aviação dos Estados Unidos e administrada com controles remotos por um pesquisador. Bonecos simulando passageiros foram utilizados, assim como câmeras internas e externas. Na época adquiridas por uma agência de notícias, as imagens foram liberadas pela Nasa recentemente.

Antes da demonstração outros 14 vôos foram feitos pelo boeing. O “dia final” da máquina não saiu como planejado, já que as asas do avião deveriam estar equilibradas para serem destruídas por postes de aço cimentados no chão e manter a fuselagem intacta. “A parte da frente do avião pendeu para a direita. Como resultado, o motor foi destruído, o combustível vazou e as chamas surgiram imediatamente”, justificou a Nasa no estudo publicado na época e veiculado jornal Daily Mail.

Nasa / Divulgação

O fogo levou mais de uma hora para ser extinguido e a experiência custou cerca de U$ 7 milhões (equivalente a R$ 25 milhões). Mesmo assim o teste foi considerado válido pela companhia, já que trouxe uma série de descobertas para auxiliar na segurança de aviões mais modernos. “Câmeras dentro do avião mostraram os manequins utilizados para simular passageiros sendo sacudidos e alguns painéis caindo durante a aterrissagem, mesmo com os assentos presos ao chão. Essa pesquisa ajudou na criação de novas regras para prevenção de incêndios e materiais resistentes ao fogo”, afirmou a Nasa.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)