Homem com câncer faz campanha para adotarem seu cão após própria morte

walthollier/reprodução

Depois de ser diagnosticado com um câncer de fígado em fase terminal, Walt Hollier, um morador do Texas, nos Estados Unidos, teve uma grande preocupação: conseguir um lar para os seus cachorros depois que ele falecesse. Membros da família dele já tinham se comprometido em adotar Doc, o mais velho dos dois animais, faltava então encontrar um lar para Diego, da raça red healer de 8 anos.

Walt então apelou para o Facebook e teve o seu último desejo realizado. Ele fez uma postagem com o objetivo de encontrar um lugar confortável e acolhedor para Diego, descreveu seu companheiro como passivo, disse que ele nunca teve comportamento agressivo, adorava brincar, correr, nadar e quase não dava despesas. O post rapidamente viralizou na rede social e teve mais de 65 mil compartilhamentos, ele recebeu mais de 100 propostas de adoção.

Depois de alguns dias, Diego foi adotado por um centro de recuperação para homens, chamado The Last Resort, também no Texas. O lugar fica em uma propriedade grande, com muito espaço para ele correr e tem outros animais, como vacas e cavalos e ele está também ajudando a recuperar os pacientes do centro. Por ser perto de onde Walt mora, ele vai poder continuar visitando seu amigo por enquanto. “Eu não poderia ter pedido por uma solução melhor. É bom para Diego, para mim e para esses homens que estão precisando de um amigo nesse momento”, declarou ao site Good Neews Network.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)