Em São Paulo, mil pessoas pagam R$ 400 para participar de “piquenique chique”

No dia 19 de março, foi celebrada a primeira edição do Dîner en Blanc no Brasil, sediada no parque Burle Max, na cidade de São Paulo. Trata-se do “piquenique chique” importado da França, no qual as pessoas se vestem de branco e levam os próprios alimentos, talheres e toalhas. Na edição brasileira, no entanto, a organização ofereceu todo o buffet e a estrutura para os participantes, que pagaram entradas, exclusivamente vendidas aos pares, de R$ 420,50.

O pagamento, contudo, não foi o suficiente para participar do evento. Era preciso ser convidado pelos organizadores ou aprovado em uma lista de espera online após a inscrição. O local do piquenique só foi informado minutos antes do início e os participantes já aguardavam para seguir ao Dîner en Blanc em sete locais espalhados por São Paulo, com ônibus previamente locados disponíveis.

No parque onde foi realizado o evento, os participantes poderiam comprar cestas preparadas por chefs como o apresentador do “Master Chef” Henrque Fogaça, o apresentador frânces Olivier Anquier e Augusto Pinto, que custavam de R$ 78 a R$ 178.

De acordo com a organização, “há mais de 50 eventos durante o ano. A maior parte deles ocorre na América do Norte, com um total de 100.000 membros participantes. O maior Dîner en Blanc – e o mais reconhecido internacionalmente – é o evento original, em Paris”. Segundo apurou a revista Forbes, o piquenique também será realizado no Ruio de Janeiro, com possibilidade de expansão em Salvador, Florianópolis, Porto Alegre, Curitiba, Belo Horizonte e Brasília.

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)