Cão salva menina de 2 anos de ataque de cobra de 1,2m

Leigh e Jo Shaw/GoFundMe

Um cão de três anos da raça boxer ficou internado em um hospital veterinário em estado crítico após ser picado diversas vezes por uma cobra de aproximadamente 1,2 metro de comprimento para salvar a filha de seu dono, em Melbourne, na Austrália. Carmem, de dois anos, brincava em um trampolim no quintal de sua casa quando o réptil se aproximava dela, sendo capturado pelo cachorro a menos de dois metros de distância da garota.

O cachorro, chamado Mack, chegou a matar a cobra antes de ser encontrado pela sua dona, Jo Shaw. “Eu o encontrei com a boca espumando e paralisado, sem respirar. Eu e meu marido o levamos correndo ao veterinário”, relatou ao jornal britânico Daily Mail. Por causa do veneno da serpente, o cão sofreu danos nos rins. Na clínica veterinária, ele recebeu três doses de antídoto e foi transferido para um hospital maior.

Leigh e Jo Shaw/GoFundMe

Ainda segundo Jo, a família pôs à venda um carro clássico, um sedã de 1968 no Facebook para cobrir os custos do tratamento veterinário, que custou 6 mil dólares australianos (cerca de R$ 15 mil). No entanto, alguns usuários sugeriram que eles criassem uma página no serviço de crowdfunding GoFundMe, para que eles não perdessem o automóvel.

Em sete dias, eles ultrapassaram a meta estabelecida, contando com a ajuda de 230 pessoas que doaram um total de 6.670 dólares australianos (aproximadamente R$ 16,7 mil). Após o tratamento, Mack voltou para casa e está se recuperando.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)