Caixão cai de carro e motorista percebe 56km depois, em Minas Gerais

Foto: noticiasnoroeste

O carro de uma funerária em Monte Verde, Minas Gerais, teve um problema com a trava de segurança e acabou derrubando um caixão com o corpo de uma aposentada de 78 anos, na estrada. O carro estava seguindo de Montes Claros para Espinosa, norte do estado que faz divisa com a Bahia, onde a aposentada seria velada. No entanto, os passageiros só perceberam que o caixão não estava no veículo quando chegaram ao destino final, mais de 50 km depois. O incidente aconteceu no dia 21 de março de 2016.

O corpo teria caído do veículo, uma caminhonete Frontier, cabine dupla, com carroceria alongada, sem ser notado. No carro, além do motorista, estava uma filha da aposentada e um amigo dela, que só perceberam o incidente depois de rodarem 56 quilômetros. O motorista decidiu voltar pelo mesmo caminho, mas populares já tinham visto o caixão e acionado a Polícia Militar, que registrou a ocorrência e avisou à funerária responsável.

Segundo o Estado de Minas, um parente da aposentada ligou para empresa para reclamar do ocorrido, mas Daniel Araújo Nicoletti, proprietário da funerária, afirmou que o incidente aconteceu devido a grande quantidade de buracos na BR-122 e que o motorista não percebeu que o caixão tinha caído do carro porque estava muito escuro. O translado ocorreu de madrugada, por volta das 3h da manhã. O corpo da aposentada foi sepultado à tarde, no mesmo dia.

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)