Bebê indiana nasce com segunda cabeça ligada ao estômago

Yt English - YouTube/Reprodução

Médicos indianos conseguiram remover com sucesso uma segunda cabeça que estava ligada ao estômago de uma menina recém-nascida, em uma operação realizada em 26 de abril de 2017. O procedimento durou cerca de quatro horas e foi realizado em um hospital da cidade de Jaipur. A anomalia foi resultado de um caso de gêmeos parasitários – quando os dois embriões não se separam totalmente e um deles se desenvolve às custas do outro.

Os cirurgiões afirmaram que a segunda cabeça – que não tinha olhos nem ouvidos – estava absorvendo parte do fluxo sanguíneo da criança, que por conta disso, não estava recebendo os nutrientes necessários. Além disso, a menina também apresentava uma terceira mão, localizada próxima à axila direita.

A mãe, Amlekha Bairva, de 22 anos, foi informada de que estava grávida de gêmeos – mas não que um deles não havia se desenvolvido normalmente. A condição só foi descoberta após o parto. Ao jornal Daily Mail, o Dr. Pravin Marthur, da unidade pediátrica do hospital em que a cirurgia foi feita, afirmou que este certamente é um dos casos mais raros de gêmeos parasitários já registrado. A menina agora passa bem e terá plenas condições de desenvolvimento.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)