App poderá apontar três tipos de câncer

Agência Pavio/Cortesia

Tecnologia de startup voltada a identificar precocemente a doença disputa prêmio de US$ 1 milhão que será definido por votação popular

A possibilidade de identificar precocemente o câncer pode estar, dentro de alguns anos, ao alcance de todos, na tela de um smartphone, com tecnologia avançada que torna o procedimento tão simples quanto um medidor de glicose. Isso será possível graças a um projeto desenvolvido pela startup pernambucana Epitrack, através de uma parceria com o Laboratório de Imunopatologia Keizo Asami (Lika), da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

A iniciativa concorre, a partir de hoje, em uma votação popular cujo prêmio, de até US$ 1 milhão, servirá para desenvolver a integração do software e plataforma que poderão prevenir uma futura epidemia da segunda doença que mais mata no Brasil.

Agência Pavio/Cortesia

A ferramenta unirá a expertise da Epitrack no desenvolvimento de aplicativos na área de saúde, sobretudo na identificação de epidemias de doenças infectocontagiosas, com a capacidade do laboratório de, por meio da análise molecular, identificar as chances de um indivíduo ter, ao longo da vida, câncer de mama, próstata ou colo de útero.

O projeto pernambucano é o único do país a participar da fase final do The Venture, premiação anual promovida pela indústria de uísque Chivas, voltada a jovens empreendedores, que garante verba para investimento em projetos com caráter de empreendedorismo social.

A primeira fase da competição começa hoje, com a distribuição de US$ 250 mil por meio da votação popular no site theventure.com. Cada pessoa pode votar uma vez por semana, ao longo das próximas cinco semanas. Nessa fase, o prêmio é dividido de forma proporcional entre as 27 startups, em fatias equivalentes ao número de votos. Todas as iniciativas já participaram de programa de aceleração de Startups em Oxford, Londres.

Agência Pavio/Cortesia

Verba Científica
Prêmio: US$ 250 mil, divididos proporcionalmente entre as 2 startups, de acordo com o número de votos
Anúncio do vencedor dos demais US$ 750 mil: 14 de julho, em Nova York
Voto: um por semana, no site www.theventure.com

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Vote agora

Mudança

Saindo vencedora da premiação, a Epitrack poderá viabilizar a ampliação da análise molecular e mudar a forma como é feito o diagnóstico de câncer no Brasil. Em vez do diagnóstico por meios tradicionais, capazes de identificar a doença já quando ela está instalada, o biossensor identificará, de forma barata e acessível, o risco de desenvolvimento da doença antes de qualquer indício, o que hoje é obtido apenas através de exames de preço bastante elevado.

“A gente viu a oportunidade de juntar forças para que esse projeto do The Venture refletisse a busca por esse financiamento. Juntar o que a Epitrack já faz com o que o Lika já faz, empacotar essas duas soluções e oferecer uma lógica de biossensores, coletar dados dos cidadãos que por ventura tenham alguma predisposição a algum tipo de câncer e construir esses cenários epidemiológicos”, resume o epidemiologista Onício Leal, CEO da Epitrack. “Estamos gerando a oportunidade de você detectar o câncer antes mesmo do tumor. É a oportunidade de não desenvolver o câncer”, aponta a fisioterapeuta Juliana Perazzo, sócia da Epitrack.

Uma possibilidade, antes restrita, que poderá estar nas mãos de qualquer um. “Temos a ideologia de que isso estará nas farmácias, que as pessoas poderão ir lá e pegar seu biossensor e detectar a chance que tem de poder desenvolver um câncer”, ressalta Jones Albuquerque, cientista da computação e cofundador da startup. A votação terá início em 9  de maio de 2016, através do site www.theventure.com. O processo continua semanalmente até 13 de junho.

Resumo

– A análise molecular realizada pelo Lika é capaz de identificar precocemente alguns tipos de câncer, como mama, colo de útero e próstata
– O Epitrack utilizaria sua expertise em aplicativos de saúde pública para oferecer uma plataforma para disseminar esse tipo de diagnóstico
– O prêmio financiará essa união entre as duas tecnologias. Um aparelho similar a um medidor de glicose captaria uma gota de sangue e faria a análise molecular

Comentário(s)

Comentário(s)