Por filha infértil após câncer, mulher dá à luz o próprio neto

Jess Jenkins/Facebook

Uma britânica de 45 anos deu à luz o próprio neto, como barriga de aluguel, após sua filha, Jessica Jenkins, tornar-se estéril devido a um tratamento de câncer cervical. Aos 18 anos, Jessica iniciou o tratamento de radioterapia, optando por congelar seus óvulos. Três anos depois, sua mãe, Julie Bradford, de 45 anos, passou por um tratamento de fertilização in vitro e deu à luz o bebê Jack, em 2 de dezembro de 2016.

Na época do tratamento, os médicos colheram 21 óvulos, dos quais apenas dez sobreviveram até o momento em que a família decidiu iniciar o processo de fertilização. Além de Jessica, Julie tem mais outros dois filhos e já passou pela menopausa aos 38 anos. ”Se o câncer não conseguiu nos derrotar, de maneira nenhuma eu poderia deixar de ter um bebê pela Jessica”, disse ao jornal britânico Daily Mirror.

“Os médicos foram brilhantes. Normalmente se leva ao menos quatro semanas para colher os óvulos para o tratamento in vitro, mas eles conseguiram fazer em duas “, relata Jessica, que se curou do câncer em outubro de 2014. Julie descobriu a gravidez no dia 9 de abril, exatos dois anos após a filha ser informada de sua infertilidade. Jessica ainda informou que ela não descartou a possibilidade de ter mais filhos no futuro, mas que não pediria esse favor à mãe novamente. “Eu sei que estão fazendo testes clínicos em transplantes de útero na Suíça, então, no momento que isso chegar aqui, irei participar”, revela.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)