Pessoas que leem livros são mais atraentes, diz pesquisa

CRB/Divulgação

Uma pesquisa online mostrou que ter hábito de leitura e sempre manter livros em sua cabeceira pode afetar direta e positivamente a sua vida amorosa. O site de relacionamentos eHarmony concluiu, a partir de análises com usuários, que pessoas que incluem o hobby da leitura no perfil se torna mais atraente para os que procuram um parceiro. Numericamente falando, os homens que se identificam como leitores ativos têm 19% mais atenção e interesse das mulheres, que os procuram em mensagens de texto, enquanto estas, tornam-se 3% mais “atrativas” para os rapazes. Os pesquisadores sugerem uma possível causa. “O hábito de leitura leva as pessoas a acharem umas as outras intelectualmente curiosas e acham mais fácil criar relações abertas e de confiança”, comenta a equipe no site.

Ser simplesmente “amante de livros”, porém, não define tudo. A avaliação online foi além e descobriu que há uma “hierarquia literária” que precisa-se levar em consideração. Os tipos de obras e autores também influenciam na hora do interesse. Entre os participantes do sexo masculino, listar obras como Screw It, Let’s Do It, de Richard Branson, e Like a Virgin contou pontos e fez com que o percentual chegasse a 74% no aspecto do interesse feminino. Com as mulheres, o resultado foi um pouco diferente. Livros como Jogos Vorazes, A Menina com Tatuagem do Dragão e Game of Thrones fez com que a busca por elas em mensagem chegasse a 44%, 31% e 30%, respectivamente. Vale ressaltar que, para ambos os sexos, a Bíblia foi um livro que se mostrou prejudicial, juntamente com 50 tons de cinza e Harry Potter, no caso de mulheres. Os dados da pesquisa não garantem o sucesso na vida amorosa, mas apontam, quem sabe, por onde começar.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)