Pernambucana cria jogo e ganha competição da Microsoft

Déborah Mesquita / Divulgação

Déborah Mesquita, estudante de Ciência da Computação na UFPE, venceu uma das categorias da Imagine Cup, torneio internacional promovido pela Microsoft com um jogo matemático, desenvolvido como seu trabalho de conclusão de curso. A parte do torneio vencido por Déborah é o desafio online Hello Cloud, nova categoria da competição que, apesar de estar no ano de estreia, reuniu milhares de outros competidores ao redor do mundo. Para participar, a estudante criou o Super Family, que envolve operações matemáticas e tem variações no nível de dificuldade de acordo com a curva de aprendizado de cada jogador. Na avaliação do projeto, foram observados critérios técnicos e o potencial para impactar decisões de negócios.

O objetivo da categoria vencida pela pernambucana era desenvolver um jogo usando um modelo de Machine Learning – área da inteligência artificial responsável por criar algorítimos e técnicas que permitam melhorar de desempenho do computador durante algum comando. “O modelo usado era de churn prediction, que previa se um jogador ia deixar de usar um jogo ou não. Como o público-alvo do jogo é o infantil e o slogan era What’s your super power?, tive a ideia de usar operações matemáticas pra servir como os ‘poderes’”, conta a estudante à assessoria do Centro de Informática da UFPE.

Agora, a estudante se prepara para, junto a um grupo de estudantes mineiros, representar o Brasil na final mundial da competição Imagine Cup no dia 26 de julho, em Seattle, nos Estados Unidos.

Salto Na Computação / Youtube

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)