Gata sobrevive após ter 30 ferimentos causados por uma espingarda

RSPCA / Divulgação

Uma gata sobreviveu após ser atingida em 30 lugares por tiro de espingarda, em Ardleigh, Essex, Reino Unido. Após ser ferida, Puss-Puss fugiu de casa e só foi encontrada uma semana depois, sangrando. Ela perdeu a visão de um dos olhos e precisará removê-lo, mas membros do órgão de proteção aos animais do governo britânico afirmam que a recuperação do animal é incrível.

O dono da gata, Doug Taw, disse ao The Independent não imaginar que ela teria fugido porque tinha sido ferida. “Ouvimos tiros, mas não pensei que podia ser com ela. Então a vimos embaixo de um carro, ferida e assustada. Ela correu e não conseguimos encontrá-la por uma semana. Ainda bem que ela voltou.”

Um raio-x feito no corpo de Puss-Puss mostrou a grande quantidade de ferimentos causados pelas balas. O inspetor Adam Jones comentou sobre o episódio. “Ficamos chocados com o número extraordinário de ferimentos por fragmentos que ela tinha, no corpo inteiro e na cabeça. Um estava na pata, impedindo que ela andasse, e outro no meio do olho. O veterinário disse que dois deles quase pegaram na medula espinhal e é um milagre que ela tenha sobrevivido”.

RSPCA / Divulgação

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)