Estudo diz que mudança de comportamento ao beber é mito

Pixabay/Reprodução

É comum, para alguns, tentar justificar um comportamento inadequado com um “bebi demais”, ou “a culpa é da bebida”. Porém, um novo estudo realizado pela Universidade de Missouri, nos Estados Unidos, mostrou que a ideia de que o álcool transforma o indivíduo em “outra pessoa” é um mito. A personalidade praticamente não muda, o que acontece é uma perda de inibições e aumento de extroversão, de acordo com psicólogos. Ou seja: o que você demonstra, já está em você, mas é normalmente reprimido.

Durante um teste, participantes beberam quatro coquetéis em 15 minutos, e os pesquisadores observaram que a personalidade sóbria permaneceu. Eles acreditam que as pessoas esperam mudar quando bebem, ou que as mudanças estão na cabeça delas, de acordo com o jornal britânico Daily Mail, seria uma forma de efeito “placebo”.

“Um número pequeno de pessoas pode mudar quando bebe, mas isso é um problema com álcool; a maioria dos indivíduos não demonstram nenhuma mudança. Eles passam a ter uma nova percepção da realidade e humor. Vimos pessoas rindo mais alto que o normal, fazendo piadas, dançando engraçado, coisas que não fariam sóbrias. Porém, isso não significa que pessoas que se comportam mal quando estão bêbadas não são responsáveis pelos seus atos”, explicou a líder do estudo Rachel Winograd.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)