Sem segurança, universidade é invadida e roubada

Uenf / Divulgação

Ladrões levaram equipamentos de estudo, aparelhos de ar condicionado e até mesmo dois carneiros utilizados como cobaias na Universidade estadual do Norte Fluminense (Uenf), no Rio de Janeiro, dois meses após a empresa de segurança responsável pelo local parar de trabalhar por falta de pagamento. Para realizar os roubos, que terminaram com um aluno amarrado, os bandidos utilizaram um trator. “Com a ajuda de uma tesoura de vergalhão, foram arrombando as portas dos diversos setores e laboratórios e roubando tudo o que viam pela frente”, explicou em entrevista ao jornal O Globo o prefeito da Uenf, Rogério Castro.

A ação criminosa aconteceu em uma parte rural da universidade, no município de Campos do Goytacazes. A polícia militar foi chamada ao local, mas o registro da ocorrência não foi feito porque os policiais civis do Rio estão de greve. Segundo o jornal O Globo, desde novembro de 2015 o repasse da verba não é feito pela Secretaria estadual da Fazenda. Esta parte da universidade é voltada para atividades agrícolas, como plantações de árvores, gado, caprinos e peixes. Esta é a segunda vez em menos de um ano que uma invasão é feita no local, mas a primeira com tantos equipamentos roubados.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)