Professora gera revolta ao fazer que alunos negros atuem como escravos em aula

Facebook/Reprodução

Uma professora do estado norte-americano da Virgínia fez com que estudantes negros fingissem ser escravos durante uma aula, gerando revolta da mãe de um dos alunos. A professora de história ainda deu aos estudantes brancos papéis de pessoas nobres, ao fazer uma exemplificação sobre a compra do estado da Louisiana pelos Estados Unidos, ocorrida no século XIX. Segundo o jornal britânico Huffignton Post, os alunos negros precisaram simular que estavam colhendo algodão e minerando carvão. O relato foi feita por um estudante para sua mãe, Tamika Derozen.

“Ele me disse que não sabia o que fazer, pois queria sair da classe, mas não queria arranjar problemas’’, relatou Tamika para o jornal americano WHSV. Alguns estudantes ainda resistiram e se recusaram a participar da atividade. A diretora da Shelburne Middle School, escola onde ocorreu o episódio, se desculpou após Tamika ter relatado a situação. Porém, a professora exibiu em sala cenas da minissérie Raízes, que possui a escravidão como tema, para demonstrar o porquê não faria sentido colocar estudantes brancos para fazer o papel de negros.

A superintendência das escolas do município declarou que está ciente das informações sobre o ocorrido e iniciará as investigações e tratará com o assunto com rapidez e justiça. Ainda segundo a superintendência, caso o comportamento da professora for confirmado, será considerado grosseiramente inapropriado e insensível. A conselho da escola não quis fazer declarações.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)