Mulher é presa por assédio após flagrada em vídeo fazendo “twerk” em desconhecido dentro de loja

Reprodução/YouTube

Uma mulher foi presa e outra está sendo procurada pela polícia de Washington (EUA) por assédio sexual a um cliente de um posto de combustíveis. O caso foi registrado em outubro de 2015, mas ganhou notoriedade após a polícia divulgar o video das câmeras de segurança que mostram a ação das duas em um homem que está ao telefone celular enquanto realiza um saque num caixa eletrônico e segue para o caixa de pagamentos. As imagens mostram quando uma mulher percebe o rapaz e começa a dançar, em contato com ele, e, em seguida, outra começa a apalpá-lo nas partes íntimas, diversas vezes, enquanto ele tenta dissuadi-las.

Ao canal de TV Fox 5, a vítima, que preferiu não se identificar, disse que prestou queixa na mesma hora, por telefone – e foi alvo de linchamento moral pela internet por conta disso. Segundo ele, no momento da ação ele acreditava se tratar de travestis ou de homens vestidos de mulheres e, em seguida, pensou que elas poderiam ser prostitutas e sua vida poderia estar em risco. “Só me ocorreu que poderiam ter cafetões do lado de fora da loja de conveniência do posto, armados, e que se eu reagisse com brutalidade ou de uma forma que elas não gostassem, eu poderia ser morto. Temi, de verdade. E elas ainda me seguiram até o carro”, contou.

Ayanna Marie Knight, de 22 anos, é natural de Las Vegas e foi presa na última terça-feira (10), sob a acusação de abuso sexual de terceiro grau. A amiga dela, ainda sem identificação, continua sendo procurada.

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)