Mãe junta 300 kg de recicláveis para realizar sonho de filho estudar no exterior

Isabel Cristina / Arquivo Pessoal

A paraibana Isabel Cristina Fernandes, de 51 anos, fez de tudo para não deixar o filho Pedro, 18, desistir do sonho de estudar no exterior. Moradora da cidade de Picuí, a 226 km de João Pessoa, nunca teve condições de pagar cursos de inglês para o menino, que sempre aprendeu a língua ouvindo música e assistindo a filmes no computador de casa. Após Pedro ser aprovado em um teste para fazer intercâmbio na Finlândia, se deparou com mais um obstáculo: R$ 6 mil precisavam ser desembolsados só para o menino chegar até o país europeu. “Quando eu vi o que tinha que pagar pensei que ela não ia mais”, afirmou em entrevista ao portal G1. A partir daí, a mulher começou a fazer doces, trufas e chegou a juntar 300 quilos de material reciclável para garantir a viagem do filho.

 

Só com o material reciclável que iria parar no lixo do trabalho, na Associação de Magistrados da Paraíba, ou que encontrava no meio da rua a caminho da igreja, Isabel conseguiu R$ 1,2 mil. Contou também com a doação de amigos e a venda de doces para arrecadar o dinheiro inicial, conquistado em apenas três dias. Depois de conseguir arcar com as despesas de passagens, precisou do dinheiro para manter Pedro por mais de seis meses na Finlândia. Em pouco tempo conseguiu completar os R$ 30 mil necessários. “Foi graças ao esforço dela em todas as manhãs que eu pude crescer”, afirmou o filho em vídeo.

Hoje, Pedro já consegue se comunicar em inglês e sueco e está aprendendo a falar francês. Em breve ele voltará à Paraíba para iniciar a graduação de Relações Internacionais na Universidade Federal da Paraíba, mesma universidade na qual o irmão mais velho cursa Farmácia. Para a mãe, os sacrifícios foram a única forma de dar aos filhos a vida que não teve. “Meus filhos vão realizar tudo o que eu não pude realizar”, desabafou.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)