Estudante garante ter criado pílula que cura ressaca

Flyby/Divulgação

O norte-americano Eddie Huai, de 23 anos, é estudante de economia e diz ter encontrado a cura para ressaca, por meio de uma pílula. A ideia de encontrar a “cura” vem da ausência em seu corpo de uma enzima que processa o álcool, o que fazia Eddie ter manhã horríveis após uma noite de drinques com os amigos do trabalho.

No verão passado, Huai buscou um especialista em bioquímica para fazer do seu problema pessoal uma potencial solução para todas as pessoas que tem problemas com ressaca. Juntos, eles desenvolveram o Flyby, uma mistura de vitaminas e suplementos desenvolvidos para “expulsar” as toxinas produzidas pelo álcool antes do usuário acordar.

Flyby/Reprodução

Os ingredientes principais das pílulas são hidrolisado de fígado, vitamina C, ácido alfa lipóico, dihidromiricetina, n-acetil-l-cisteína e cardo de leite. Segundo o jornal britânico Daily Mail, os componentes trabalham juntos e agem como um “personal trainer” para o fígado.

“Seu fígado consegue processar cerca de um drinque por hora e ajuda a aumentar as enzimas e reabastece os nutrientes que o álcool elimina”, explicou Huai. A pílula foi lançada em março de 2017 e já tem uma taxa de sucesso de 90%.

“Ele consegue frear os efeitos do Acetaldeído, que é 40 vezes mais tóxico que o álcool”, conta orgulhoso o criador do Flyby. A partir de um problema pessoal, ele garante ter chegado a uma espécie de “otimização” do fígado de quem usar sua pílula. Segundo Huai, em testes, 90% dos usuários disseram que o remédio funciona, que conseguiram trabalhar e se sentiram bem no dia seguinte. A venda do Flyby é realizada no próprio site da empresa. Uma caixa com 60 cápsulas custa o equivalente a cerca de R$ 100.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)