Após 72 anos, homem viaja para reencontrar 1ª namorada na Holanda

RPC / Reprodução

O holandês Klaas Prins conheceu o amor de sua vida, e sua primeira namorada, na década de 1940, quando Geerte Valk começou a trabalhar com seus pais. O casal, que chegou a namorar por cerca de um ano e meio, foi separado quando o homem foi chamado para servir o exército holandês durante a 2ª Gerra Mundial, onde foi mandado para a Indonésia.

Enquanto Klaas estava a serviço do exército, Geerte voltou a morar na casa dos pais, a cerca de 180 km de onde o homem morava e, por conta das circunstâncias da vida, os dois não se encontraram mais. Então, Geerte seguiu sua vida, casou e teve filhos lá mesmo na Holanda, enquanto Klaas noivou e veio morar no Brasil, mais precisamente em Carambeí, nos Campos Gerais, no Paraná, onde viveu com a mulher e os filhos até ficar viúvo.

RPC / Reprodução

Ao assistir um programa que falava sobre a Segunda Guerra Mundial, Klaas teve a brilhante ideia de escrever para um programa de televisão holandês que ajudava pessoas a se reencontrarem. Foi então que, após 72 anos, o homem viajou junto com a filha e o genro para reencontrar Geerte, na Holanda.

“Ele sempre esteve no meu coração, no fundo do meu coração”, lembra Klaas, que ao reencontrar a eterna namorada, depois de um longo abraço, finalmente a beijou. O casal, que voltou ao Brasil,  ainda está vivendo os primeiros momentos desse amor e aproveitando o tempo que passaram separados. “Eu nunca me esqueci das piadas dele, dos beijos e também desse semblante”, comentou Geerte, ao G1.

Gostou do conteúdo? Em nossa página tem mais:

Zoom

Zoom in Regular Zoom out

Facebook

Comentário(s)

Comentário(s)